Capela-mor da Igreja de S. Francisco

ÉVORA (Portugal): Capela-mor da Igreja de S. Francisco.
ÉVORA (Portugal): Capela-mor da Igreja de S. Francisco.

A capela-mor, terminada no reinado de D. Manuel, mantém a cobertura de cruzaria ogival e as frestas primitivas, manuelinas, e as tribunas reais, em estilo renascença. É possivel, igualmente, vêr-se um monumental altar neoclássico, em calcário policromo, datado de 1773, esculpido em mármores alentejanos, na tradição clássica e executado a expensas do cónego António Landim Sande, que veio substituir o primitivo retábulo de pintura gótica, de Francisco Henriques e Olivier de Gand.

Capitéis da capela-mor da Igreja Românica de S. Romão de Arões

FAFE (Portugal): Detalhe dos capitéis da capela-mor da Igreja Românica de S. Romão de Arões
FAFE (Portugal): Detalhe dos capitéis da capela-mor da Igreja Românica de S. Romão de Arões

A capela-mor de planta rectangular, que apresenta nos panos murários vestígios de pintura mural, divide-se em dois tramos cobertos por abóbada de pedra apoiada em grossas colunas com capitéis ornados com motivos românicos como aves bebendo num vaso comum e animais devorantes.